sexta-feira, 1 de maio de 2009

Música [banalização 2000]

Eu, realmente, gostaria se todos tivessem a mesma visão que eu tenho sobre música... Não o mesmo gosto, apenas o mesmo censo do ridículo.
Eu me orgulho tanto da capacidade musical do brasileiro quanto me envergonho da sua incapacidade de enxergar o seu talento.
É assombroso ver a forma com que a mídia vem destruindo a reputação musical deste país. A mesma mídia, que nos presenteava com festivais com alto nível de musicalidade há algumas décadas, agora, nos ofende divulgando a vulgaridade de letras com rimas pobres que vêm desde o funk carioca ao Hip-Hop americano.
Aonde foram os fãs de Toquinho e Vinícius de Moraes? E os True-Headbangers, Fanático-alucinados, adéptos do mais puro Rock'n Roll? Por que seus filhos agora rebolam ao som de aparelhagens altomotivas e suas filhas exibem-se em trajes inacabados, como vadias procurando um traficante para bancar seus vícios???
Música é caráter. Não se pode banalizar uma arte tão bela!

[Thom Albuquerque]

2 comentários:

Anônimo disse...

Os fãns de toquinho e Vinícius de Moraes morreram soterrados nas fezes deixadas bem na porta da nova era musical.


Reverbera crítica,vulgo Diellen.

Thom Albuquerque disse...

Fezes estas, alimentadas pelo constante desprezo à boa musica brasileira, cada vez mais presente nas rádios e emissoras de tv abertas.
Adorei seu comentário, muito sensato!
Beijo.